Crítica Séries (TV Shows)

Fear The Walking Dead: Grotesque (02×08) – Crítica

O crossover de The Walking Dead voltou de seu hiatus com um episódio centralizado e bastante polêmico. Nomeado Grotesque (grotesco, em português), o novo capítulo foca em Nick (interpretado por Frank Dillane) e sua busca por sobrevivência em meio a desertos no México. Por mas que a premissa é boa, muitos fãs ficaram bastante decepcionados com a volta da série, dizendo que seu retorno foi entediante.

Eu, como fã da série, não achei o episódio sacal, porém fiquei preocupado pois sei a fonte do “problema”: Scott M. Gimple, o terceiro showrunner de The Walking Dead. Ele, na verdade, não é – literalmente – um revés, pois sua forma de fazer episódios mais concentrados em determinados personagens funciona muito bem, entretanto isso pode se tornar uma contrariedade. No caso da série original, estes episódios são excessivos deixando-a cansativa de se assistir; já em Fear The Walking Dead, não sei se foi uma boa ideia esta sair de seus hiatus com um episódio mais contemplativo. 

Todavia, Grotesque não deixa de ser um dos melhores episódios (se não o melhor) da série até agora. Retratando de forma espetacular as dificuldades e sacrifícios que Nick deve fazer para sobreviver, as cenas são muito bem divididas e nos mostram novas perspectivas sobre aquele universo, afinal Nick não é um policial, é apenas um jovem tentando entender o que está havendo.É muito hipócrito uma pessoa tachar o episódio de chato usando como referência The Walking Dead, pois ninguém sabe o que está havendo, ninguém entende o vírus, ninguém está “acostumado” com aquilo; a série trata outros personagens em outras situações, e nesse quesito Grotesque foi muito bem (principalmente na parte em que Nick teve que beber sua própria urina).

Além de tudo isso, eu – como vários outros fãs – fiquei interessado sobre os novos três personagens apresentados e quero ver como eles vão interagir com Nick e com o resto do grupo e o que eles representaram para o futuro da série.

Não vou estender muito essa review, mas acho desnecessário todo esse ódio e pessimismo sobre o retorno da série (por mais que existe uma explicação) e acho que Fear The Walking Dead está encontrando seu caminho e tenho certeza que podemos esperar grandes coisas desse crossover.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s