Crítica Séries (TV Shows)

The Walking Dead – Sétima temporada assegurou um retorno eletrizante e controlado

O tão esperado retorno de The Walking Dead para seu sétimo ano solucionou todas as altas expectativas do fãs e nos proporcionou cenas violentas e pungentes, aquele revés diferenciativo da série e, é claro, zumbis.

ATENÇÃO! ESSE POST CONTÉM SPOILERS

 Vamos começar com o que, para mim, foi a melhor coisa que a AMC poderia ter feito: não ter mostrado quem foi vítima do Negan nos primeiros cinco minutos do episódio. Como fã, também queria muito saber quem morreu, mas todos os diálogos do “vilão” combinados com as lembranças que o Rick  tinha com cada personagem fez meu hype crescer de um modo que eu não sabia que era possível, pois estava revivendo toda a tensão cujo final da sexta temporada proporcionou.

Resultado de imagem para negan sexta temporada

The Day Will Come When You Won’t Be (O Dia Virá Quando Você Não Estar, em português) foi um marco para o enredo da série, pois nesse episódio vimos toda a desconstrução que o personagem do ator Andrew Lincoln tinha recebido durante os seis anos do programa. Sofrendo uma intensa tortura psicológica, Rick cedeu tudo o que tinha – e o que era – para tentar salvar sua família; tais sacrifícios foram divididos em pequenas crônicas dentro do episódio as quais possuíam uma única liação: o machadinho.

Resultado de imagem para the day will come when you won't be

Outro ponto positivo do começo da sétima temporada, foi a abordagem de problemas sociais reais em meio a tantas situações que são “surreais”. Um exemplo disso foi a morte do personagem Glenn (Steven Yeun) que, por mais que já era esperada, causou um grande desânimo entre os fãs sendo, também, um retrato fiel a veracidade de muitas mulheres grávidas no mundo que são abandonadas pelo seus maridos. Outra problemática da sociedade, na série, é espelhada na escravidão e no autoritarismo, os quais pode ser vistos na forma em que Negan trata seus prisioneiros.

Enfim, não tem porque eu ficar me estendo muito na crítica desse episódio. Sua dinâmica foi boa, funcional e suas cenas estavam conectadas em um ritmo gostoso e leve, mas que mantinha toda a aflição necessária para fazer os fãs viajarem para a realidade de The Walking Dead.

O próximo episódio chega dia 30/10 e se chama The Well. No Brasil, a Fox é a responsável por reproduzir os episódios.

Confira o trailer da sétima temporada:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s