Artigos Séries (TV Shows)

Titans | O racismo por trás da contratação da intérprete da Estelar

Em pleno 2017. ainda há muito preconceito a ser combatido

Ontem foi divulgado que a Estelar será interpretada pela atriz Anna Diop (24: Legacy) na série Titans, que irá ao ar provavelmente no ano que vem e será produzida por Greg Berlanti (Arrow) e Akiva Goldsman (Star Trek: Discovery). A atriz em questão é negra e é óbvio que a comunidade nerd caiu em cima.

page.jpg

Mas antes, eu quero deixar claro um ponto: eu defendo a ideia de que o (a) personagem deve ser interpretado(a) por um ator/atriz que condiz com sua etnia e que não deve haver mudanças apenas para seguir o “politicamente correto”. “AH, ENTÃO VOCÊ É RACISTA?”, óbvio que não, existem inúmeros personagens incríveis de diferentes raças que poderiam aparecer nas séries e filmes de super-heróis, é só colocar eles.

Entretanto, a escalação dessa atriz para viver a Estelar deixou claro que a comunidade nerd ainda é muito preconceituosa. Em parte eu penso que esse preconceito (que vem aumentando) é devido a recente popularização do termo geek e nerd, aonde você se torna “cool” se fizer parte dessa cultura, o que acaba trazendo muita gente ignorante para essa comunidade, a qual sempre foi conhecida como uma comunidade de pessoas intelectuais.

“Ah, mas a atriz não se parece com a Estelar!”, meu amigo, A ESTELAR É UMA ALIENÍGENA ALARANJADA, ninguém vai se parecer com ela! Indiferente se a atriz é negra, branca, asiática ou ruiva, sua pele vai ser pintada de laranja e sua cor não vai aparecer, mas, como foi escolhido uma atriz negra, isso chamou muito mais a atenção e o racismo se fez evidente nos comentários de TODAS as publicações que eu li a respeito dessa escalação.

Os fãs dizem esperar uma série de qualidade, mas atacam uma simples escalação de elenco. Como vocês esperam que uma atriz trabalhe e se esforce sabendo que o público alvo do seu trabalho não aceita ela? Pensem nisso. Teen Titans (2003-2006) marcou uma geração e finalmente esse grupo de jovens está recebendo uma série live-action, não há motivos para ficar reclamando e atacando uma produção como essa, e sim comemorar. A crítica (de forma educada, como sempre deve ser feita) só pode ser idealizada depois que os 13 episódios saírem e termos conferido a obra como um todo.

“Ah, mas a Ravena teve uma atriz loira escalada e você não diz nada”, claro, até porque o ódio em cima da escalação dela foi muito pequeno ao compararmos com o da escalação da Estelar. Mesmo assim, defendo que a série deve deixar a atriz Teagan Croft (intérprete da Ravena) com uma aparência mais gótica e com os marcantes cabelos negros arroxeados.

raven.jpg

Estelar esteve fortemente presente nas últimas animações da DC e foi uma das personagens liberadas na Pack de Personagens #1, no jogo Injustice 2.

Injustice 2 (HQ) – Primeiras Impressões

Os Jovens Titãs sempre foi um grupo com grande diversidade, não existe razão para todo esse hateTitans faz parte da DC Digital, um novo empreendimento da DC Comics. Como já dito, a série estreia em 2018 com sua primeira temporada constituída por treze episódios. Na chamada de elenco, ainda falta os atores para interpretar o Asa Noturna e o Mutano.

 

Anúncios

9 comentários

  1. O négocio hoje é reclamar. Se fosse branca, iam querer que fosse ruiva, morena, parda, negra. O mundo está chato. O que importa é o trabalho da atriz! Vamos esperar para ver! E que venham mais críticas. hahaha
    Adorei o post e o tema!
    Beijos

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s